sábado, 10 de abril de 2010

Alex Ponciano - Expresso Popular – SP

André Marangoni - A Charge Online

Aroeira – Jornal O Sul

Alto lá!

O coveiro entra no consultório e o médico pergunta se ele tem tomado a medicação prescrita, se deixou de beber, se continua fazendo farras. O médico quer saber se o coveiro tem se cuidado. Não. Não tem se cuidado e continua na mesma vida. O médico é meio impaciente e começa a passar uma descompostura no pobre do coveiro. O coveiro não gosta da reprimenda e fala pro médico:

— Peraí, doutor. Veja lá como fala! Afinal de contas, lembre-se de que o senhor é apenas mais um de meus fornecedores.


Aroeira – O Dia – RJ

Bello - Tribuna de Minas – MG

Bessinha – A Charge Online

Atraso

A rica madame chama o médico para ver a empregada, muito bonitinha, que há uma semana não sai da cama. O médico examina a empregada e pergunta:

— O que você tá sentindo?

— Nada não, doutor. É que faz muito tempo que não me pagam o salário e eu só me levanto daqui quando pagarem o atrasado.

— Então dá uma chegadinha pra lá pra eu me deitar aqui junto. Da outra vez que me chamaram também não me pagaram nada.


Brum – O Jornal de Hoje - RN

Clayton - O Povo – CE

Dálcio - Correio Popular – SP

Doença antiga

O médico preenche a ficha do paciente enquanto vai falando o nome da doença. É um nome complicado, o paciente não entende e pergunta:

— É doença nova, doutor?

— Que nada! Essa aí vem matando há mais de quinhentos anos.


Duke - O Tempo – MG

Eita Gota! Danou-se!


video

Duke - Super Notícia – MG

Por motivo de doença

Médico:
- Eu disse pra senhora voltar no começo do mês. Hoje é dia trinta, minha senhora. Por que não veio no dia que eu falei?

Paciente:
- É que eu tava doente, doutor.


Erasmo - Jornal de Piracicaba – SP

Iotti - Zero Hora – RS

Lute – Hoje em Dia – MG

Ressurreição

— Doutor, o senhor acredita na ressurreição dos mortos?

— Acreditar, eu acredito porque sou católico. Agora, garanto que isso vai trazer um grande problema para nós médicos.


Nani – A Charge Online

Pelicano - Bom Dia – SP

Rico - Valeperaibano – SP

Sonífero 1

O médico para o lutador de boxe:

— Não. Não vou lhe receitar um remédio pra dormir. O melhor é você ficar contando 1, 2, 3, 4... Garanto que logo, logo você pega no sono.

— Durmo não, doutor. Já tentei. Quando chega no oito me dá uma vontade danada de me levantar.


Ronaldo - Pioneiro - RS

Eita Gota! Danou-se!

video

Sinovaldo - Jornal NH – RS

Sonífero 2

O médico encontra o paciente numa animada boate e fica surpreso:

— Peraí, ó: não foi você que pediu que lhe receitasse um remédio pra dormir?

— Foi, doutor. Mas não era pra mim não. Era pra minha mulher...


Sponholz - Jornal da Manhã – PR

Thomate - A Cidade – SP

Waldez - Amazônia Jornal – PA

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Ainda bem...

O maluco vai andando pelo corredor do hospício com uma vassoura na mão. Encontra Napoleão, outro maluco, aponta a vassoura pra ele como se fosse uma espingarda e grita:

- PUM! PUM!

Napoleão cai ao chão mortinho da silva. Aí o outro maluco toma o maior susto e diz preocupado olhando para a "arma":

- Como é que pode? Nem tava carregada...

- Ainda bem - diz Napoleão se levantando. - Pensei que eu tinha morrido.


Alecrim – A Charge Online

Amarildo - A Gazeta – ES

Atorres - Diário do Pará - PA

Enterrada viva

Uma mulher tinha verdadeiro pavor de ser enterrada viva e foi procurar um médico para tirar as dúvidas:

— Doutor, será que hoje em dia ainda existe o risco de uma pessoa ser enterrada viva?

— Tudo depende da competência do médico, minha senhora. Garanto que isso jamais vai acontecer com um paciente meu.


Bello - Tribuna de Minas – MG

Bessinha - A Charge Online

Brum – O Jornal de Hoje - RN

Hospital público

O médico faz a inspeção na enfermaria, pára ao lado de um paciente que permanece em estado grave e repreende a enfermeira:

— Enfermeira, eu já não lhe disse pra dar banho, neste paciente, todos os dias?

— Mas eu dou banho nele há mais de um mês, doutor.

— Então, amanhã troque a água.


Bruno - Valeparaibano – SP

Cícero – Jornal de Brasília - DF

Erasmo - Jornal de Piracicaba – SP

Memória

O médico-chefe da emergência está ao lado de uma mulher acidentada e vai falando para a enfermeira:

— Duas costelas quebradas, contusão no tórax, fratura na mão esquerda...

Nisso, a mulher recupera a consciência.

— Qual a sua idade? — pergunta o médico.

— Vinte e oito.

— Memória comprometida... — continua o médico.


Jorge Braga - O Popular – GO

Lila - Jornal da Paraíba - PB

M. Jacobsen – A Charge Online

Na faculdade

Um estudante e um professor discutem ao lado de um paciente:

— É cirrose — diz o aluno.

— É não. É vesícula — diz o professor.

— É cirrose.

— É vesícula.

— Então vamos fazer a autópsia pra gente saber logo.


Newton Silva - A Charge Online

Paixão - Gazeta do Povo – PR

Pissardini – A Charge Online

Queixas

O médico pergunta ao paciente:

— E aí? Quais as suas queixas?

— Tenho muitas, doutor. Primeiro, faz mais de horas que eu espero lá fora. Depois, convidei aquela atendente bonitinha pra dar uma saidinha comigo e ela não quis.